Início Tags Posts tagged with "escola"

escola

0 432

Por Danilo Pinto

Apesar de a Prefeitura de Valparaíso de Goiás já ter recebido mais de R$ 1,3 milhões este ano, destinados à merenda escolar, a Escola Monteiro Lobato encaminhou recado aos pais e responsáveis, comunicando a suspensão do Programa Mais Educação, sob alegação de falta de merendeiras.

Segundo o comunicado, a Secretaria Municipal de Educação já teria sido comunicada e o retorno do atendimento à comunidade estudantil dependerá da solução a ser apresentada pela entidade.

Apesar do momento delicado por que passa o Brasil, com montanhas de dinheiro sendo roubadas do povo por políticos irresponsáveis e uma gestão ilegítima, sustentada por compra de deputados e do judiciário, não parece que tenhamos chegado ao ponto de cortar merenda das crianças.

Se compararmos gestões, veremos que um dia sem merenda na gestão da ex-prefeita Lucimar Nascimento, por problema com fornecedor, era tratado pelos atuais gestores como uma aberração e, os mesmos críticos do passado, cortam merenda e aulas por tempo indeterminado e ainda tem a cara de pau de pedir compreensão dos pais e responsáveis.

À medida que o tempo passa a sociedade toma consciência de que a atual gestão é um embuste, capaz de sacrificar os mais frágeis, para manter seus privilégios. Enquanto isso, os problemas da cidade se avolumam, sem solução, sem explicação e sem atenção do Prefeito e de sua madrinha, que tanto prometeram resolver os problemas criados por eles mesmos, ao sustentarem um governador que ignora a existência de Valparaíso de Goiás.

Comunicado da suspensão de aulas por falta de merenda

Por Danilo Pinto

O Município de Ibiquera, na Chapada Diamantina, Bahia, aderiu ao Programa Saúde na Escola, desenvolvido através de parceria entre os Ministérios da Saúde e Ministério da Educação. Este programa tem por objetivo enfrentar as vulnerabilidades que prejudicam o desenvolvimento escolar dos estudantes.

Deixando de lado a imagem de município atrasado, criada ao longo dos últimos 20 anos, em que a cidade literalmente parou no tempo, A gestão Dr. Ivan coloca Ibiquera na frente mais uma vez e adere ao Programa Saúde na Escola, que irá contribuir com a formação integral dos estudantes, por meio de ações de promoção, prevenção e atenção à saúde, com vistas ao enfrentamento das vulnerabilidades que comprometem o pleno desenvolvimento de crianças e jovens da rede pública de ensino.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, este programa vai permitir melhorar a qualidade da educação no município, por criar condições ideais para o pleno desenvolvimento dos educandos, principalmente por ajudar a prevenir e combater situações que comprometem a saúde dos estudantes, produzindo graves danos à sua educação.

O programa será implantado e gerido através de parceria entre as Secretarias Municipais de Educação e Saúde, já que atua nas duas frentes do serviço público municipal.

O Prefeito de Ibiquera, Dr. Ivan Almeida, tem determinado aos secretários municipais que fiquem atentos a todos os programas estaduais e federais, que possam ser aproveitados no município e contribuir com a melhoria da qualidade de vida da população e enxerga no Saúde na Escola uma excelente oportunidade. “Ibiquera precisa recuperar o tempo perdido. Ficamos parados no tempo durante 20 anos e não podemos perder oportunidades de trazer para o município todos os programas públicos que possam ajudar a melhorar a vida do povo. Todas as secretarias do nosso governo estão orientadas a não perder oportunidades de trazer melhorias para a vida das pessoas.” Afirmou Dr. Ivan.

0 715

Por Danilo Pinto

Ousadia, sensação de impunidade, reconhecimento da fragilidade do poder público diante do violência, quais serão os fatores que levam os bandidos a agirem com tanta facilidade em Wagner-BA?

Todos os dias chegam novas notícias de cidadãos assaltados, casas e comércios arrombados, furtos diversos, tráfico de drogas, dentre outros delitos na cidade de Wagner. Isso vem acontecendo com tanta frequência que os moradores chegam a perguntar “aonde foi o roubo hoje”.

Não foi diferente na madrugada desta terça-feira (30), quando a Escola Municipal do Distrito de Cachoeirinha foi vítima de uma invasão de ladrões. Diversos computadores e outros equipamentos teriam sido roubados, segundo informações extra-oficiais, dando sequência ao que parece mais uma “corrida maluca pelo crime”.

Até quando o Poder Público vai assistir passivo ao desmanche da tranquilidade de outrora, permitindo esta escalada do crime na cidade? Quais providências foram tomadas até agora, para pelo menos desencorajar os criminosos e permitir um descanso para esta população?

Diante do que temos visto, o prognóstico é de dias piores, porque pelo menos do ponto de vista de conhecimento da sociedade, nenhuma medida efetiva foi tomada pelos governantes até o presente momento.

0 522
Por Danilo Pinto

Por Danilo Pinto

A prefeita de Valparaíso de Goiás, Lucimar Nascimento (PT), inaugurou na manhã desta sexta-feira (09) a reforma e ampliação da Escola Municipal Mundo Mágico.

Com choro de emoção e alegria a população do bairro Jardim Oriente recebeu a escola com 14 novas salas de aula, que acomodarão cerca de 200 novos alunos.

Ao todo, a prefeita Lucimar já reformou e ampliou em 3000 vagas a rede municipal de educação de Valparaíso e outras escolas, creches e quadras esportivas estão sendo reformadas, ampliadas ou construídas.

segunda logo

0 605
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

A escola Carolina Maria de Jesus, no bairro Vila Guaira, sofreu um incêndio criminoso na sexta-feira (11) e precisou da ajuda do Corpo de Bombeiros e da comunidade para que o fogo fosse controlado.

Apesar do susto, os prejuízos ficaram restritos a documentos queimados, em nada afetando a estrutura e a segurança da escola. Durante esta semana a prefeitura, através da Secretaria de Educação e da Secretaria de Cultura e Desportos, está realizando atividades culturais para recepcionar os alunos.

A intenção deste trabalho é demonstrar que as atividades seguem normalmente e que não há motivo para medo. Na segunda-feira após o incidente, muitos alunos não apareceram e a informação é de que os pais teriam ficado com medo de leva-los para a aula. Neste ponto a diretora da escola, professora Edna, declarou não haver nenhum motivo para medo e que as atividades vão continuar normalmente. Edna convocou os alunos de volta para a sala de aula, com receio de que o medo atrapalhe os estudos das 760 crianças matriculadas naquela escola.

A Secretária de Educação, Ana Claudia Malta, disse que o governo não vai se acovardar, diante do abuso de vândalos e bandidos. “Vamos continuar trabalhando pela educação de nossos jovens e não é um ataque de vândalos que vai nos parar. Não vão nos intimidar.” Declarou.

Vila Guaira é considerada uma das regiões mais violentas e perigosas de Valparaíso. Dominada pelo tráfico de drogas, acaba sendo evitada pela população. Somente este ano, dois ataques a escolas foram registrados no bairro. No primeiro, ainda no início de 2015, bandidos roubaram portas, merenda escolar, botijões de gás e outros objetos de uma escola recém reformada e ampliada pela prefeitura.

Jpeg

Música, dança e teatro para receber alunos

 

A escola conta com mobiliário novo em todas as salas

A escola conta com mobiliário novo em todas as salas

10390382_819969471413530_9045544315011813204_n

segunda logo

0 489
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

Prefeitura Municipal entrega reforma e ampliação da Escola Madre Paulina, no Bairro Cruzeiro do Sul.

Em evento que faz parte das comemorações do aniversário de 20 anos de emancipação de Valparaíso de Goiás, a Prefeita Lucimar Nascimento (PT) inaugurou nesta quinta (11) a reforma e ampliação da Escola Municipal Madre Paulina, no Bairro Cruzeiro do Sul.

Esta obra faz parte dos investimentos da Prefeitura para ampliar e melhorar a qualidade da infraestrutura da Rede Municipal de Educação. Segundo a Prefeita Lucimar, a educação é uma das prioridades de seu governo e entregar esta escola ampliada e totalmente reformada é uma grande alegria.

Durante todo o mês de junho a Prefeitura realizará inaugurações de obras e atividades culturais, em comemoração do aniversário de Valparaíso.

Tribuna da Ride

11134422_744751222308808_737234132_n

segunda logo

0 1137

Por Cristina Sena

Fotos: Fernanda Silva

Valparaíso de Goiás conta agora com mais uma Escola Municipal de Música, Dança e Teatro Prof. Adilson Menezes. A terceira unidade, localizada no bairro Ipanema, foi inaugurada neste sábado (21), com muita festa.

Houve apresentações musicais de alunos de outras unidades, roda de capoeira, apresentação de músicos da cidade e espaço para as crianças se divertirem. Antes mesmo da inauguração, já havia mais de 200 inscrições.

O espaço vai oferecer aulas de diversas modalidades artísticas para a população do Ipanema. E muitas revelações artísticas podem surgir do local. O secretário municipal de Cultura, Desporto, Lazer e Juventude, Antônio Bites, parabenizou a prefeita Lucimar Nascimento por incentivar a cultura e acreditar nos jovens. “Você está no caminho certo, sempre apoiando o esporte, o lazer, a juventude”, ressaltou.

“Valparaíso é uma cidade maravilhosa e com grandes talentos. O sonho de instalarmos escolas de música no município é antigo e precisamos contar com o apoio da comunidade. Esse é mais um passo no sentido de trazer políticas públicas para os jovens. A gente precisa prevenir, dar oportunidades aos jovens, ocupar o tempo deles com atividades construtivas”, defendeu a prefeita.

A Escola Municipal de Música, Dança e Teatro do bairro Ipanema fica na rua 05, quadra 24, em frente ao projeto Beija-Flor. As inscrições estão abertas , basta dirigir-se à escola em horário comercial.

11071006_1804263486465804_1063787103466176572_n

10955625_1804263523132467_6030137079497719162_n

Publicidade:

Matrículas abertas!!!

Matrículas abertas!!!

0 1000
Por: Danilo Silva Pinto

Por: Danilo Silva Pinto

Em Nota Oficial, a Prefeita de Valparaíso de Goiás, Lucimar Conceição do Nascimento, reafirmou seu compromisso com a educação, declarando estar empenhada em concluir as negociações com a Escola Servos da Rainha, para a renovação do convênio de quase R$ 2 milhões, que permite a esta escola receber alunos da Rede Municipal de Ensino.

A Prefeitura já havia iniciado negociações com outra escola, no entanto, existe um desejo dos pais de que seus filhos permaneçam no mesmo prédio da Servos da Rainha e por conta disso, as tratativas continuam.

A nota informa ainda que a Secretaria de Educação manterá matriculados na Rede Municipal de Ensino os alunos cujos pais não queiram aguardar o desenrolar da negociação.

 

Publicidade:

Matrículas abertas!!!

Matrículas abertas!!!

OUTDOOR

0 393
Por: Danilo Silva Pinto

Por: Danilo Silva Pinto

Na semana passada o Padre Reinaldo Araújo encaminhou à Prefeitura de Valparaíso de Goiás um ofício, informando que não vai mais renovar o convênio pelo qual a Prefeitura de Valparaíso de Goiás repassava quase R$ 2 milhões para a escola atender a 1200 alunos da rede pública. O convênio, que no governo passado era de apenas R$ 100 mil, foi elevado pela Prefeita Lucimar em 20 vezes, mas apesar disso, o Padre Reinaldo decidiu não mais atender a estas crianças.

Diante do fato, pessoas mal intencionadas, com o objetivo de causar danos políticos ao governo e colocar mais lenha na fogueira, espalharam uma série de informações infundadas, gerando ainda mais desespero para as famílias dos alunos. A Secratária de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano de Valparaíso, Cynthia Borges de Lacerda, comentou o fato e esclareceu algumas dúvidas em seu perfil do Facebook:

Manipulação do sofrimento do povo

Ontem, ainda em função da decisão do colégio Servos da Rainha de cancelar o convênio com a prefeitura de Valparaíso De Goiás e deixar em desespero 1077 famílias, vi como – para algumas pessoas – é fácil manipular informações.
Numa atitude covarde, essas pessoas mal intencionadas, que pelo que sei nada tem a ver com a instituição Servos da Rainha, têm feito divulgar falsas informações com o único intuito de prolongar esse sofrimento. Sem pretender entrar no mérito delas, creio ser importante divulgar:
Em primeiro lugar é preciso esclarecer que 1077 vagas foram criadas pela prefeitura para atender a demanda.
Mais de 200 vagas estão disponíveis a menos de 300 metros dos servos da rainha, no prédio onde funcionava o Êxito Jr;
Os professores e servidores demitidos do Colégio Servos da Rainha, estão sendo convidados a apresentar currículo para a entidade que abarcará essa nova demanda;
O pagamento de dezembro da instituição Servos da Rainha, só não foi feito ainda porque a instituição só entregou a prestação de contas do referido mês em 12 de janeiro. Ela encontra-se em fase final de análise.
Todos sabem que o poder público não pode contratar servidor sem seleção, portanto, a história de que se a prefeitura pagasse aqueles professores dos Servos da Rainha os alunos poderiam ser mantidos, não é possível;
Também não procede a informação de que um projeto de lei criando essa despesa poderia ser aprovado pela Câmara. O concurso é um mandamento constitucional e nenhuma lei criada diferente disso teria validade.
O debate político é salutar, mas a manipulação não!

A redação da Tribuna da RIDE está levantando as orientações da Secretaria de Educação, sobre quais medidas os pais deverão tomar e para onde serão encaminhados os alunos. Publicaremos assim que possível todas as orientações.

Publicidade:

Matrículas abertas!!!

Matrículas abertas!!!

Sem título-5

0 1378
Por: Danilo Silva Pinto

Por: Danilo Silva Pinto

A Escola Servos da Rainha, que atendeu crianças da Rede Municipal de Educação, através de um convênio com a Prefeitura de Valparaíso de Goiás no valor de R$ 1.985.424,90 (um milhão novecentos e oitenta e quatro Reais e noventa centavos) até dezembro do ano passado, resolveu, através de seu administrador, Padre Reinaldo de Araújo, não renovar o convênio para 2015.

A decisão, informada à Prefeitura já às vésperas do início do ano letivo, causou um enorme problema para a Gestão Municipal, ao ter que encontrar uma solução para não deixar sem escola as 1.200 crianças que eram atendidas na Servos da  Rainha, diante da negativa do Padre Reinaldo, de continuar a receber dinheiro do município para prestar este importante e indispensável serviço para a comunidade do Céu Azul.

A Prefeita Lucimar, apesar da dificuldade imposta pela situação, garantiu aos pais que nenhuma criança ficará fora da sala de aula. Desde que tomou ciência do fato, Lucimar vem se reunindo com sua assessoria, na busca de alternativas e junto com a Secretaria de Educação, está redefinindo a estrutura escolar, para garantir a educação destes alunos.

A alegação do Padre Reinaldo de que pequenos atrasos foram a razão do fim da parceria não possui sustentação, diante do valor repassado pela Prefeitura. Na gestão passada, a escola recebia apenas R$ 100 mil do município e a Prefeita Lucimar aumentou este repasse em quase 20 vezes, chegando aos quase R$ 2 milhões que repassa hoje. Segundo a Secretária de Obras Cynthia Borges, “esse valor poderia colocar em funcionamento o restaurante popular e servir 30 mil refeições por mês, durante todo o ano de 2015, mas para a prefeitaLucimar Conceição do Nascimento a educação é o seu legado. Assim, ela manteve sua intenção de renovar o convênio”.

Ainda sobre atrasos, o Governador de Goiás, Marconi Perilo, está devendo aos municípios mais de R$ 100 milhões (cem milhões de reais) em repasses. A dívida de Marconi tem causado grandes dificuldades para as cidades goianas, mas nem por isso Lucimar deixou de garantir o pagamento dos servidores das diversas secretarias, nem tampouco encerrou o atendimento à população. Em repasses públicos municipais, pequenos atrasos são normais, seja pela demora no repasse da verba pelos governos estadual e federal, ou mesmo pela burocracia, que muitas vezes emperra a liberação de valores.

Segundo publicado em matéria do Jornalista Wesley Moura, os pais reclamam ainda da taxa de R$ 200,00 que é cobrada pelo Padre Reinaldo, para que os alunos estudem na escola Servo da Rainha. Para muitas famílias, este valor faz uma grande diferença e pode comprometer a alimentação das crianças.

A decisão do Padre Reinaldo, de fechar as portas da escola para os alunos atendidos pelo convênio com o município, além de causar problemas administrativos, acabou criando também um problema político para a Prefeita, já que sem saber o real motivo do fim da parceria, alguns pais iniciaram uma série de ataques contra o governo e a Prefeita. Tranquila, Lucimar disse não se preocupar com o prejuízo pessoal e que seu foco é solucionar o problema e garantir que nenhuma destas 1.200 crianças fique sem estudar. Lucimar declarou ainda que lamenta que a decisão do Padre Reinaldo seja motivo de angústia para tantas famílias e cause tanto prejuíso à educação municipal, mas que não o questiona, já que como responsável pela escola ele possui o poder de decidir ou não pela renovação.

Publicidade:

Matrículas abertas!!!

Matrículas abertas!!!

Anúncio ODespertar 290mmx260mm

 

cartão Midia do Pão Valparaiso (2)

FIQUE CONECTADO

post