Início Tags Posts tagged with "go"

go

0 1620
Por Danilo Pinto

Por Danilo Pinto

Enfim, após anos de espera e muita luta dos aprovados, saiu a lista de convocação do Concurso Público 2011, do Município de Luziânia – GO.

A lista foi publicada no dia 13 de julho, mas não houve ampla divulgação. Segundo informações de aprovados, muitos não estão sequer sabendo desta convocação e podem perder as vagas. Os aprovados deverão se apresentar até esta quarta-feira (27 de julho), segundo informações dos grupos de Whatsapp. Tentamos confirmar este prazo junto à Prefeitura, mas após ligações para a sede do Executivo e para  Secretaria Municipal de Educação, não conseguimos falar com um funcionário que soubesse confirmar esta informação.

Acesse o Decreto: Decreto de Convocação do Concurso 2011 da Prefeitura de Luziânia

0 1279
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

A Prefeita Lucimar Nascimento sancionou na noite desta segunda (01) a Lei 1.064, que dentre outras coisas aumenta os salários dos Conselheiros Tutelares.

Muito comemorada pela categoria, o reajuste do salário dos Conselheiros Tutelares, que passam de R$ 788,00 para R$ 2.419,00, praticamente triplicando os vencimentos da categoria.

Com o novo salário anunciado pela Prefeita, os benefícios vão muito além da satisfação dos profissionais. Se de um lado os Conselheiros passam a receber uma remuneração muito mais justa, melhorando a qualidade de vida de suas famílias, por outro a sociedade valparaisense ganha um Conselho Tutelar com dedicação exclusiva, cujos Conselheiros trabalharão integralmente no cuidado com as crianças e adolescentes.

Com o salário anterior os Conselheiros tinham liberdade para manter outros empregos, de forma a compensar o baixo salário. Com a nova remuneração passam a cumprir carga-horária completa, ampliando a capacidade de atendimento do órgão.

A Conselheira do Conselho Municipal do Direito das Crianças e do Adolescente, Marilene Silva de Almeida chamou a atenção para a qualidade da estrutura colocada à disposição do Conselho Tutelar pela Prefeitura. Segundo Marilene, nem mesmo o Distrito Federal, com 40 Conselhos Tutelares possui uma estrutura tão completa e abrangente quanto Valparaíso, o que torna o Conselho Tutelar Valparaisense um dos melhores do Brasil.

A Prefeita Lucimar fez questão de frisar o compromisso dos Vereadores da Base Aliada, que entenderam a importância da Lei e a fizeram tramitar com celeridade na Câmara, garantindo ao avanços para Conselheiros e sociedade.

 

11061208_1842701615955324_1516384603016915065_n

 

0 1287
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

A Polícia Militar do Estado de Goiás (PM/GO) deve abrir concurso público com 1.500 vagas de soldado, além de processo seletivo simplificado (PSS) para a contratação de 1.000 servidores para a área administrativa da corporação.

De acordo com nota divulgada pela Secretaria de Gestão e Planejamento (Segplan), já foi constituída até mesmo uma Comissão Especial para agilizar os preparativos a fim de que o edital do certame seja lançado ainda neste semestre. O governador Marconi Perillo (PSDB) já havia solicitado “urgência na realização do concurso”.
Serão oferecidas vagas para o cargo de Soldado 3ª Classe (nível médio), que depende de aprovação de lei própria de criação deste ofício. Ainda está em discussão o salário e a quantidade exata de vagas, que provavelmente será de 1.500, conforme determinação do governador.
Segundo Marconi, os novos soldados substituirão os policiais do Serviço de Interesse Militar Voluntário Estadual (Simve). O Supremo Tribunal Federal determinou a interrupção imediata do Simve, o que vem causando uma falta de pessoal na segurança do Estado.
O último processo seletivo feito pela PM/GO foi em 2012, quando o órgão selecionou 1.180 profissionais graduados para os postos de soldado, cadete e oficial de saúde. Organizado pela UEG, este certame teve as provas aplicadas duas vezes, por conta de problemas na primeira aplicação.
Para Valparaíso fica a expectativa de que venha a ser disponibilizado pelo Governador um efetivo que consiga suprir a demanda por segurança pública, uma vez que o município, além de ser um dos mais importantes do estado, passa por um longo e trabalhoso processo de recuperação, após anos de abandono na área de segurança pública.
Fonte: jcconcursos.uol.com.br com adaptações.
11134422_744751222308808_737234132_n
Anúncio Midia do Pão
segunda logo

0 1996
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

A Prefeitura Municipal de Luziânia foi condenada a convocar 200 candidatos, que tiveram classificação superior aos já contratados, mas que tiveram suas vagas negadas pelo município. Segundo denúncia acatada pela justiça, a Prefeitura teria contratado candidatos com classificação inferior aos 200 reclamantes, para favorecer a pessoas ligadas à gestão.

A Gestão Cristovão Tormim decidiu ignorar a decisão judicial, negando-se a convocar os aprovados. informou ainda que já entrou com pedido de anulação da sentença, conforme denuncia o Professor Lukas Cardoso, no texto abaixo:

anuncio

 

“‘DESRESPEITO A LEI – PREFEITURA NÃO CUMPRE ORDEM JUDICIAL PARA CONVOCAR OS CONCURSADOS DE 2011

O Concurso Público da Prefeitura Municipal de Luziânia – Goiás, do ano de 2011, teve problemas de improbidade administrativa, erros de convocação (convocação de candidatos em detrimento a outros melhores classificados). Tal concurso foi acionado pelo Ministério Público de Goiás em março do ano de 2013 sob o número processual 201302582172 e teve sentença julgada há pouco mais de um mês.
Tendo sido DETERMINADO por medida cautelar, a convocação dos mais de 200 candidatos preteridos que possuem Direito Líquido e Certo até o dia 27 de outubro de 2014, porém a Procuradoria do Município e a Secretaria Municipal de Educação de Luziania se manifestaram dizendo que não convocarão e já pediram anulação da sentença. Vale lembrar que, o Concurso Público de 2013 do mesmo município está suspenso e sobre investigação do MP e da Justiça estadual também por fraude do atual Prefeito Cristovão Tormim (PSD), dessa vez na licitação, há inclusive o pedido de cancelamento do concurso que já está homologado. Ante o exposto peço o envolvimento sério e comprometido do Mensageiro e quem mais puder ser independente e comprometido com o jornalismo limpo, visto que a Educação do Município de Luziânia está sendo desrespeitada e também há o desrespeito com as Leis por aqui, por exemplo falta idoneidade e lisura da Prefeitura, que brinca com pessoas sérias, que pagam imposto e que não são respeitadas e tratadas com dignidade.
Atenciosamente,
Professor Lukas Cardoso. — com Dorinato Nogueira Filho e outras 19 pessoas.”

Diante do exposto, fica a pergunta: O que o Prefeito Cristovão Tormim irá fazer para dar fim ao imbróglio que paraliza os dois concursos para Professores do município e deixa centenas de profissionais em desespero, na busca do cumprimento da Lei?

0 546
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

Nesta quarta-feira 20 de agosto a Prefeita de Valparaíso de Goiás, Professora Lucimar Conceição do Nascimento, entregou os computadores que serão utilizados na informatização de todas as salas de vacina, dos postos de saúde de Valparaíso de Goiás.

Acompanhada do Secretário Municipal de Saúde, Walter de Mattos, da Secretária de Infraestrutura e Desenvolvimento Urbano Cynthia Borges, de Vereadores e autoridades da saúde, a Prefeita Lucimar realizou a entrega simbólica, do que serão os computadores da informatização dos postos de saúde de Valparaíso.

A informatização das salas de vacina permitirão um controle mais rigoroso na movimentação de vacinas, evitando a perda por vencimento de prazos de validade e a aplicação indevida dos imunizantes, que passarão a ser controladas de forma mais segura. Ao contrário da forma de controle atual, que é realizada por meio de formulários de papel, os computadores permitirão maior segurança na aplicação dos medicamentos. Será possível por exemplo identificar lotes vencidos e descarta-los, sem a necessidade de verificar um a um como é feito hoje. Além disso, o controle de estoque ficará mais eficiente, possibilitando um melhor planejamento logístico, que evitará a falta de vacinas, uma vez que através dos computadores será possível monitorar a demanda e garantir oferta adequada.

Publicidade:

Outdoor_2013-2014 (1)

0 1186
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

Os moradores do Condomínio Green Park II e do Parque Esplanada I em Valparaíso de Goiás, estão sendo obrigados a viver dentro de uma enorme nuvem de poeira. A Construtora MRV iniciou as obras da construção de mais um condomínio, estre situado no Setor de Chácaras Ipiranga, ao lado do Condomínio Green Park II e está causando sérios transtornos à população local.

Na manhã desta quinta-feira a redação da Tribuna Da RIDE esteve no local para averiguar a situação. A obra, que encontra-se na fase de limpeza do terreno e terraplanagem, está sendo tocada por dezenas de caçambas, que em longa fila, retiram entulho, restos de árvores que foram derrubadas e terra. O Trânsito de máquinas e caçambas, aliado ao trabalho de escavação estão levantando uma nuvem de poeira que chega a ser sentida no Polo JK, em Santa Maria-DF.

Poeira avança e invade casas

Poeira avança e invade casas

Percorremos o Green Park II e o Parque Esplanada I e constatamos que a situação é grave. Além da camada de poeira que recobre ruas e calçadas, no interior das casas é impossível manter a limpeza. Para complicar, a constante falta d’água dificulta ainda mais a vida dos moradores do Green Park II, que mais uma vez amanheceram sem abastecimento.

Conversamos com moradores, que estão revoltados com o descaso da MRV:

“Eles estão com mais de dez caminhões retirando terra e apenas um carro pipa para molhar a terra. É um absurdo o que estão fazendo com a gente.” Asseverou uma moradora do Green Park II”.

“Estamos reunindo moradores e vamos protestar. Se for preciso, faremos barricada e queimaremos pneus na frente da obra, mas eles vão ter que resolver esta situação”. Reforçou outro morador, que possui duas crianças pequenas em casa está preocupado com a saúde dos mesmos.

“A gente vai almoçar e a poeira cai encima do prato, chegamos a sentir o gosto de terra na boca”. Relatou outro morador.

Além dos transtornos com a poeira, os caminhões carregados espalham terra pelas ruas e ao passar sobre quebra-molas, estão destruindo a pavimentação na saída do bairro. Em uma semana de intensificação das obras, o trecho da rua que havia sido consertado pela Construtora Mabel já está com um enorme buraco, obrigado os motoristas a realizarem manobras mais complicadas e perigosas.

Caminhões da MRV emporcalham ruas e destroem o asfalto na entrada do bairro

Caminhões da MRV emporcalham ruas e destroem o asfalto na entrada do bairro

Conversamos com uma pessoa, que se identificou como responsável pela obra. Este nos informou que o carro pipa quebrou e que outro foi chamado e estaria a caminho. Apesar desta justificativa, a obra não parou e a poeira continua a subir. Mais tarde retornamos ao local e constatamos que o segundo caminhão pipa estava no local, mas a terra continua seca e os trabalhos seguem como d’antes, sem que nenhuma ação efetiva tenha sido tomada pela MRV.

Uma comissão de moradores está sendo formada para acionar o Ministério público. “É uma questão de saúde pública, nossas crianças estão adoecendo. Estamos sofrendo a dias com esta situação, já reclamamos e nada foi feito. Vamos agora buscar. meios de embargar a obra, para garantir nosso direito de respirar” informou um morador.

A Tribuna da RIDE, no cumprimento do seu papel de informar e esclarecer, coloca este espaço à disposição da MRV, para eventuais esclarecimentos. Vamos continuar acompanhando a situação e informaremos a população à medida que os fatos forem se desenrolando.

Publicidade:

Equipamentos nacionais e importados, preços competitivos, muita variedade e atendimento especializado. Etapa B, próximo à Delegacia de Valparaíso I

Equipamentos nacionais e importados, preços competitivos, muita variedade e atendimento especializado. Etapa B, próximo à Delegacia de Valparaíso I

Anuncie em sacos de pão e tenha sua marca exposta dentro da casa do seu cliente. 20% de desconto para contrato assinado durante a Copa do Mundo 2014.

Anuncie em sacos de pão e tenha sua marca exposta dentro da casa do seu cliente. 20% de desconto para contrato assinado durante a Copa do Mundo 2014.

0 720
Por Danilo Silva Pinto

Por Danilo Silva Pinto

O sistema de transporte coletivo de Valparaíso, operado pela COOTRANSRIDE opera no vermelho, segundo informações do Presidente da Cooperativa Ronaldo Melo. Segundo pelo, a cooperativa, que já sofre com as 40 mil gratuidades e mais 35 mil meias passagens estudantis, amarga um prejuízo gigantesco, devido à concorrência do transporte pirata.

Ronaldo acredita que o déficit operacional do sistema poderia ser compensado pelo contingente de passageiros, que diariamente, utilizam o transporte pirata na cidade. Melo nos informou que já foram identificados inúmeros veículos que realizam este tipo de transporte irregular de passageiros, mas que aguarda uma ação forte de fiscalização dos órgãos competentes, para coibir esta prática ilegal.

Em diversos pontos da cidade, como na passarela da entrada de Valparaíso II, é possível visualizar a fila de carros ofertando o serviço aos passageiros que aguardam os coletivos. No que se refere ao sistema intermunicipal de transporte público, que era operado pela Anapolina e encontra-se em situação de calamidade, o transporte pirata acaba sendo uma opção, mesmo que de alto risco, para os milhares de moradores que precisam se deslocar e não contam com ônibus. O problema é que a prática afeta o faturamento do sistema municipal de transporte, que opera com um intervalo de 10 minutos entre viagens e deixa de transportar milhares de pessoas todos os dias.

Vale ressaltar, que além de prejudicar o sistema de transporte municipal, já que a falta deste recurso desviado na pirataria poderia ser usado em investimentos na frota oficial, também a segurança do passageiro corre sério risco, já que ao entrar em um carro particular, a pessoa não tem como saber se o condutor está realmente realizando o transporte pirata ou se deseja se aproveitar da situação para cometer crimes. Além disso, o passageiro fica vulnerável em razão de não saber da capacitação do motorista nem das condições de manutenção do veículo, correndo sério risco de se envolver em acidentes.

Fica o alerta aos valparaisenses, para que valorizem o sistema de transporte local, que possui uma frota de veículos novos, condutores treinados, manutenção em dia e permissão para realizar este tipo de serviço. Assim você preserva a sua segurança e contribui para um transporte coletivo cada vez melhor.

Vale lembrar que transporte pirata é crime.

Publicidade:

Equipamentos nacionais e importados, preços competitivos, muita variedade e atendimento especializado. Etapa B, próximo à Delegacia de Valparaíso I

Equipamentos nacionais e importados, preços competitivos, muita variedade e atendimento especializado. Etapa B, próximo à Delegacia de Valparaíso I

0 584

A Procuradoria Regional Eleitoral em Goiás (PRE/GO) impugnou os pedidos de registro de candidatura de 27 candidatos para as eleições deste ano, com base na Lei Complementar nº 64/90. Para o fim de identificar possíveis casos de inelegibilidade, ao todo foram analisados 978 pedidos de registro de candidatura apresentados pelos partidos políticos.

Até a próxima sexta-feira, 18 de julho, a PRE/GO ainda analisará, para possível impugnação, os pedidos de registro apresentados diretamente pelos candidatos (candidaturas avulsas), conforme lista publicada pelo Tribunal Regional Eleitoral de Goiás (TRE/GO) no Diário da Justiça Eletrônico (DJe), de 13 de julho de 2014.

A lista com todos os pedidos de registro de candidatura em Goiás está disponível nosite do TSE.

Veja a lista dos candidatos impugnados pela PRE/GO.

Assessoria de Comunicação
Ministério Público Federal em Goiás
Fones: (62) 3243-5454 / 3243-5266
E-mail: prgo-ascom@mpf.mp.br
Site: www.prgo.mpf.mp.br
Twitter: http://twitter.com/mpf_go
Facebook: https://www.facebook.com/MPFGoias

Fonte: PRE-GO – Seg, 14 de Julho de 2014 16:49

Em nota, a coordenação jurídica do PT  informou que o caso envolvendo Gomide “se encontra com Recurso de Revisão em análise” pelo TCM. Desta forma, “a apreciação das contas do ano de 2010 não foi de cunho terminativo, não tendo o condão de causar a inelegibilidade”. Além disso, a nota ressalta que o balanço geral das contas “foi analisado e devidamente aprovado pela Câmara Municipal de Anápolis. Assim, Gomide possui todas as condições de elegibilidade”.

Caso a Justiça Eleitoral aprove os pedidos de impugnações de candidaturas, os políticos terão prazo de sete dias, a partir da notificação, para apresentar suas defesas.

Confira abaixo a lista de candidatos impugnados pela PRE-GO e os motivos:

Contas rejeitadas

Candidato a governador:
– Antônio Gomide (PT)

Candidatos a deputado federal:
– Eurípedes Júnior (PROS)
– Gênio Eurípedes (PSDB)
– Cida de Gelo (PTC)
– Valdivino Oliveira (PSDB)

Candidatos a deputado estadual:
– Adib Elias (PMDB)
– Ana Paula Gonzaga Souza (PRTB)
– Diorivan Pereira Rosa (PSB)
– Elecir Casagrande Perpétuo Garcia (SD)
– Geraldo Messias (PP)
– Gil Tavares (PRB)
– Gilda Naves (PP)
– Joaquim Pires (PR)
– Josemar dos Reis (PP)
– Maria Conceição Vieira (DEM)
– Rogemberg Barbosa (PR)
– Rui Figueiredo (PHS)

Candidato a suplente de senador:
– Edson Bueno (PT)

Condenações em dez tipos de crime

Candidatos a deputado estadual:
– Cláudio Souza (PSC)
– Jomari Leite (PDT)

Doações ilegais

Candidatos a deputado estadual:
– Anázio Pereira (SD)
– Edna Aparecida dos Santos (SD)

Corrupção eleitoral

Candidatos a deputado estadual:
– Eliezer Divino Borges (PHS)
– José Nelto (PMDB)

Abuso de poder econômico ou político

Candidato a deputado estadual:
– Alex Batista (PHS)

Infração ético-profissional

Candidato a deputado federal:
– Tânia Melo (PSDB)

Demissão do serviço público

Candidato a deputado estadual:
– Iris Lira (PEN)

Fonte: O Guardião

Publicidade:

Equipamentos nacionais e importados, preços competitivos, muita variedade e atendimento especializado. Etapa B, próximo à Delegacia de Valparaíso I

Equipamentos nacionais e importados, preços competitivos, muita variedade e atendimento especializado. Etapa B, próximo à Delegacia de Valparaíso I

0 1178

Unidade está sendo construída pela Prefeitura de Luziânia, com recursos próprios, no Parque Estrela D’Alva V e terá capacidade para mais de 500 alunos

Área onde será construída uma piscina semi-olímpica / Foto: ASCOM

Área onde será construída uma piscina semi-olímpica / Foto: ASCOM

Tocadas com recursos próprios, as obras da primeira escola de tempo integral na região avançam, no Parque Estrela D’Alva V. Dezenas de homens têm trabalhado na construção de 12 amplas salas de aula, quadra coberta, sala de dança, auditório, biblioteca, sala de ginástica, laboratórios de informática e de ciências, pátios, depósitos, sala de professores, coordenação, direção, refeitório e vários banheiros. O próximo passo será iniciar as obras da piscina semi-olímpica.

Área onde será construída uma quadra poliesportiva já recebeu cobertura / Foto: ASCOM

Área onde será construída uma quadra poliesportiva já recebeu cobertura / Foto: ASCOM

Ao todo estão sendo construídos 7 blocos, que ocupam uma área de, aproximadamente, 5 mil metros quadrados. Tudo com um detalhe: os espaços foram projetados para garantir acessibilidade. As salas de aula terão telhado especial para melhor iluminação dos ambientes e, em todos os corredores, há banheiros. A parte administrativa ficará concentrada em um único bloco, onde haverá até sala de espera. O auditório, com capacidade para 140 pessoas, contará com camarim e cabine de som e projeção. O espaço da biblioteca também é amplo e terá sistema de iluminação especial.

Mais um bloco está sendo erguido; ao todo serão sete / Foto: ASCOM

Mais um bloco está sendo erguido; ao todo serão sete / Foto: ASCOM

Funcionamento

Além de uma educação de qualidade no turno regular, a Escola de Tempo Integral, com capacidade para mais de 500 alunos, oferecerá diversas oficinas pedagógicas e atividades esportivas no turno inverso, atendendo as crianças de forma completa. Segundo a Secretaria Municipal de Educação, cada estudante receberá, no mínimo, três refeições por dia.

A essência do projeto é a permanência das crianças na escola, onde elas serão assistidas integralmente em suas necessidades básicas e educacionais, o que ampliará o aproveitamento escolar, resgatará a autoestima dos alunos e os capacitará para que atinjam efetivamente a aprendizagem, sendo alternativa, por exemplo, para a redução dos índices de evasão e de repetência.

Bloco onde estão as salas de aula / Foto: ASCOM

Bloco onde estão as salas de aula / Foto: ASCOM

Fonte: ASCOM/ Rodrigo Piccirili

0 542

Unidade está sendo construída no Parque Estrela D’Alva II e funcionará 24h, inclusive nos fins de semana, ajudando a desafogar os prontos-socorros 

As obras de construção da primeira Unidade de Pronto Atendimento (UPA) de Luziânia seguem a todo vapor. A meta da Prefeitura é entregar a unidade, em construção no Parque Estrela D’Alva II e que ocupa uma área de quase 1.200 metros quadrados, ainda neste ano.

Os serviços realizados têm o acompanhamento de equipes técnicas do Ministério da Saúde e da Prefeitura de Luziânia. Frequentemente, o prefeito Cristóvão Tormin também faz questão de vistoriar as obras. “O prefeito sempre está por aqui, avalia o projeto de construção e cobra qualidade. A obra está sendo executada da melhor forma possível e temos seguido rigorosamente os padrões estabelecidos pelo Ministério da Saúde”, conta Julismar de Oliveira, um dos responsáveis pela construção.

A Unidade de Pronto Atendimento Porte II, que contará com 12 leitos de observação e capacidade para atender até 300 pacientes por dia, funcionará 24h, inclusive nos fins de semana. A UPA será capaz de resolver grande parte das urgências e emergências, como pressão alta, febre, fraturas, cortes, infarto e derrame. Com isso, ajudará a diminuir as filas nos prontos-socorros dos hospitais.

A unidade inovará ao oferecer estrutura simplificada, com raios-X, eletrocardiografia, pediatria, laboratório de exames, entre outros. Nas localidades que contam com UPA, 97% dos casos são solucionados na própria unidade. Quando o paciente chega, os médicos prestam socorro, controlam o problema e detalham o diagnóstico. Eles analisam se é necessário encaminhar o paciente a um hospital ou mantê-lo em observação por 24 horas.

“Vai melhorar bastante a região aqui dos Parques Estrela D’Alva. Será muito bom ter atendimento de saúde perto de casa. Estou satisfeito e animado, pois não precisarei mais pegar ônibus. Ser atendido em um lugar com tudo novinho vai ser maravilhoso”, comemora João Batista Oliveira, que mora bem próximo ao local das obras.

UNIDADE TAMBÉM PARA O INGÁ

A Prefeitura tem trabalhado firme para viabilizar a construção de mais uma Unidade de Pronto Atendimento no município. Desta vez, será contemplado o Distrito do Jardim Ingá.

Segundo o prefeito Cristóvão Tormin, além das Unidades de Pronto Atendimento, a Saúde no município ganhará mais reforços: o Hospital Regional será todo reformado e novos aparelhos serão adquiridos; as obras de construção de 17 novas Unidades de Saúde da Família brevemente serão iniciadas (inclusive, os serviços de terraplanagem já estão sendo realizados); o CAIS do Setor Fumal tem passado por uma ampla reforma, assim como outras unidades de saúde, e um Ambulatório Médico de Especialidades (AME) será construído.

“Queremos e conseguiremos mudar para bem melhor a saúde em nosso município. O nosso governo está sempre empenhado em garantir os recursos necessários para que isso aconteça. O nosso objetivo é oferecer constantemente à população um atendimento de melhor qualidade”, destaca o prefeito.

FIQUE CONECTADO

post