Início Tags Posts tagged with "pior"

pior

0 338
A pesquisa CNI/Ibope divulgada na tarde desta quinta-feira, 25, apontou o governador de Pernambuco, Eduardo Campos, como o mais bem avaliado entre os 11 Estados da sondagem.
Campos, que articula uma possível candidatura à Presidência da República, teve gestão avaliada como ótima ou boa por 58% da população do Estado.
Em segundo lugar, com 41% de avaliação ótima ou boa, aparece o governador do Paraná, Beto Richa (PSDB), seguido pelo cearense Cid Gomes (PSB), com 40%, e, em seguida, o mineiro Antonio Anastasia (PSDB), com 36%.
O levantamento apontou que o governador pior avaliado do país foi Sérgio Cabral (PMDB), do Rio de Janeiro. Ele obteve apenas 12% de avaliação ótima ou boa dos entrevistados. Cabral ficou abaixo da média nacional, de 28%.
O segundo mais mal avaliado foi o governador de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), seguido pelo gaúcho Tarso Genro (PT), com 25%, e pelo paulista Geraldo Alckmin (PSDB), com 26%.
A pesquisa da CNI foi feita entre 9 e 12 de julho, com 7.686 pessoas com mais de 16 anos de idade, em 434 municípios. A margem de erro é de dois pontos percentuais.
Fonte: Estadão (reproduzido em O Guardião)

0 2249

Fonte: Correio Brasiliense

Com uma nota de 3,55 – em uma escala de satisfação em que 5 é a pontuação máxima -, o aeroporto da capital do país só não teve pior avaliação que os de Cuiabá (3,43) e Guarulhos (3,31)

O Aeroporto Internacional Juscelino Kubitschek, em Brasília, é o terceiro pior entre os 15 avaliados pelos passageiros nos quatro últimos meses de 2013, segundo pesquisa divulgada na manhã desta quarta-feira (5/2) pela Secretaria de Aviação Civil da Presidência da República.

Leia mais notícias em Cidades

Com uma nota de 3,55 – em uma escala de satisfação em que 5 é a pontuação máxima -, o aeroporto da capital do país só não teve pior avaliação que os de Cuiabá (3,43) e Guarulhos (3,31). A média registrada pela pesquisa, que ouviu 18.213 pessoas, ficou em 3,82. Liderou o ranking o terminal de Campinas (SP), com uma nota de 4,12.

Para medir a satisfação dos passageiros, a SAC levou em conta 39 indicadores. As queixas mais recorrentes envolvem o valor da alimentação e de produtos comerciais nos aeroportos, além do custo do estacionamento e o acesso à internet.

O aeroporto de Brasília passa por obras, impulsionadas pela proximidade com a Copa do Mundo. A Inframerica, administradora do terminal, reconhece transtornos, mas insiste em ponderar que os usuários serão recompensados quando a reforma for concluída. Enquanto isso, seguem as reclamações de quem passa pelo aeroporto, confirmadas pelo levantamento da SAC.

FIQUE CONECTADO

post